Oporto Explorer Trip

Quem vem para a Explorer Trip? Temos a lista dos selecionados!

É oficial: o júri deu os seus votos numa final mais emocionante que o Masterchef e temos os selecionados para a Explorer Trip. Quer saber quem são? Seu projeto está entre eles?

Para qualquer Explorer, a recompensa por 12 semanas de esforço é validar seu projeto, conectar-se com seu futuro. Mas algumas dessas ideias ganham algo mais: uma viagem a um grande hub de empreendedorismo europeu.

Os 43 selecionados nesta ocasião fazem parte de uma coorte muito numerosa e especial, pois juntam-se aos das duas últimas edições, quando a Explorer Trip teve que ser adiada devido à pandemia. Mas no próximo mês de julho, todos os escolhidos estarão na European Innovation Academy, do Porto (Portugal), desfrutando de uma semana intensiva de formação em empreendedorismo. Quais projetos completam a lista de Explorer Fellows? Aqui está.

 

  1. Hedonix Biosciences (Asociación Civil Universidad del CEMA, Argentina): produção de medicamentos por meio de microrganismos geneticamente otimizados.
  2. Aiper (Explorer Brasil): produção e extração sustentável de pigmentos biodegradáveis ​​de origem microbiana para aplicação industrial. 
  3. Smart Solutions (Universidad Tecnológica Metropolitana, Chile): ajuda as pessoas com mobilidade reduzida a deslocarem-se de forma independente dentro de casa. 
  4. Bolsolution (Universidad de Santiago de Chile, Chile): embalagens compostáveis ​​e biodegradáveis ​​para armazenar o salmão e aumentar sua vida útil. 
  5. Permacultura-Tech (Universidad del Bío Bío, Chile): colaboração de áreas para alimentação saudável, tecnologia e natureza, trabalhando em equipe. 
  6. Smart Reactor (Universidad Autónoma de Chile): biorreator rotativo automatizado para o gerenciamento de resíduos orgânicos em escala comunitária. 
  7. Green in House (Burgos Space, Espanha): pequena estufa automatizada para ter em casa que é controlada a partir de um aplicativo.
  8. AI – Signtext (Cantabria Space, Espanha): transcrição automatizada de linguagem de sinais para texto partindo de vídeos.
  9. Southern Biorefinery (Málaga Space, Espanha): produção de bioplásticos em Almería utilizando resíduos agrícolas. 
  10. IA Monolayers (Oviedo Space, Espanha): inteligência artificial para economizar tempo e dinheiro na busca de monocamadas para pesquisa em nanociência. 
  11. Nesu Technologies (San Sebastián Space, Espanha): fabricação de diferentes materiais para uso em medicina regenerativa. 
  12. Legalbytes (Tarragona Space, Espanha): assessoria jurídica e tributária em ativos digitais. 
  13. Altrato (Universidad Alfonso X el Sabio, Espanha): compra e venda de gado saudável.
  14. Antons Creation (Universidad Autónoma de Madrid, Espanha): uso da arte como ferramenta de mudança social. 
  15. Greener City (Universidad Carlos III de Madrid, Espanha): desenvolvimento de fachadas verdes e sustentáveis ​​em edifícios em Madrid. 
  16. PassivConnectedHouse (Universidad Complutense de Madrid, Espanha): casas passivas ecológicas e ultra conectadas para maximizar a economia e automação. 
  17. Watchot (Universidad de Alicante, Espanha): soluções digitais para as necessidades do setor imobiliário. 
  18. Viva Swim – Generador de Rutinas (Universidad de Córdoba, Espanha): gerador de rotinas de natação personalizadas com aplicativo móvel. 
  19. Shuttle Bio (Universidad de Extremadura, Espanha): plataforma de referência na busca de emprego no setor de biociências.
  20. My Winning App (Universidad de Jaén, Espanha): rede social de boas ações para fazer upload de seus méritos, conseguir wins e doá-los gratuitamente para a ONG ou associação escolhida. 
  21. Eventos deportivos con causa (Universidad de Las Palmas de Gran Canaria, Espanha): site de eventos esportivos voltados para segmentos deslocados da sociedade. 
  22. Potlet (Universidad de Salamanca, Espanha): criação de mecanismos de metabusca especializados que permitem a recuperação de informação chave nas empresas que destinam recursos a I+D+i. 
  23. Peral Project (Universidad de Santiago de Compostela, Lugo Space, Espanha): técnicas de IA e visão artificial para a indústria alimentícia e para pessoas na forma de assistente virtual.
  24. Acousa (Universidad de Santiago de compostela, Santiago Space, España): revista online de lifestyle em galego com um discurso feminista, sem uma posição política e intergénero. 
  25. Etrust (Universidad de Sevilla, Espanha): plataforma que ajuda a construir confiança de forma segura e transparente para fazer contratos entre duas partes que não se conhecem. 
  26. NLC (Universidad Francisco de Vitoria, Espanha): sistema de orientação para cegos.
  27. TravelMeetPoint (Universidad Loyola, Sevilla, Espanha): oferecer o destino mais barato e/ou mais próximo para grupos de amigos que moram em cidades diferentes e querem fazer uma viagem. 
  28. Marbyt (Universidad Miguel Hernández, Espanha): busca de soluções inteligentes para problemas da biotecnologia. 
  29. TapToOrder (Universidad Pública de Navarra, Espanha): permitir que os clientes de bares e restaurantes façam pedidos ao sentarem na mesa, sem esperas. 
  30. SOS-tenible (Universidad Rey Juan Carlos, Espanha): desenvolvimento de um aplicativo sobre sustentabilidade envolvendo usuários comuns e empresas.
  31. Zorro Blanco (Universidade da Coruña, A Coruña Space, Espanha): editorial focado na criação de livros animados.
  32. Cunca (Universidade da Coruña, Ferrol Space, Espanha): plataforma online e packaging sustentáveis ​​para comércios locais. 
  33. PlayPod (Universitat de Barcelona, Espanha): aplicativo móvel para podcasts escolares.
  34. Science Illustrated (Universitat de les Illes Balears, Espanha): estúdio de design gráfico destinado a pesquisadores, grupos de pesquisa ou professores que atuam em ciência e/ou pesquisa. 
  35. XVR (Universitat de València, Espanha): abordagem da cultura através das novas tecnologias.
  36. BeDriver (Universitat de Vic – Universitat Central de Catalunya, Espanha): auto escola online que vai revolucionar o processo de tirar sua carteira de motorista. 
  37. Light Pills (Universitat Politècnica de Catalunya, Espanha): plugue sustentável que facilita o acesso à água potável e energia em países emergentes. 
  38. Ekademy (Universitat Politècnica de València, Espanha): plataforma web de educação secundária gamificada.
  39. Ubra (Universitat Pompeu Fabra, Espanha): sutiã inteligente conectado a um aplicativo que permite detectar alterações morfológicas e fisiológicas, bem como lesões pré-malignas (câncer) na mama. 
  40. Borboleta (Instituto Tecnológico y de Estudios Superiores de Monterrey, México): espaço para jovens empreendedores que tem como base a saúde emocional. 
  41. DermaCam (Universidad Autónoma del Estado de México): aplicativo que prevê o risco e identifica melanomas por meio de visão artificial.
  42. Biot (Benemérita Universidad Autónoma de Puebla, México): desenvolvimento de biodigestores com sistemas de monitoramento e controle para comunidades pecuárias. 
  43. Renewaste (Universidade de Coimbra, Portugal): aplicativo que une quem vende, compra e transporta resíduos por meio de um leilão, tudo pelo smartphone. 


Os escolhidos merecem nossos maiores parabéns: vão desfrutar de uma experiência única, realizarão uma interessante networking conectando-se com empreendedores de todo o mundo e se aprofundarão em seu projeto. E você, quer ver até onde suas ideias empreendedoras podem te levar? Faça a sua pré-inscrição no Explorer!

Compartilhe esta postagem

Compartilhe esta postagem

Inscrever-se no blog

explorer pt

Pode interessar a você

Cohorte Explorer Trip

E os projetos selecionados para a Explorer Trip são…

Mais emocionante do que “a corrida ao Oscar”, do que a próxima música da Shakira, do que as regras para tentar tornar a F1 emocionante (sério, amigos, houve um tempo em que não era necessário ajudas eletrônicas. Chamavam isso de pilotar). … temos a lista de projetos selecionados para a Explorer Trip! Quais ideias foram escolhidas?